A morte de Jiraiya em Naruto veio como um baque para os fãs. Desde sua primeira aparição no mangá, o sábio pervertido sempre foi um dos personagens preferidos do fandom. Anos após a revelação do óbito do personagem, Masashi Kishimoto, criador deste universo ninja, falou sobre os motivos por trás do arco que culmina com o falecimento do mentor de Naruto.

Naruto | Criador revela que série originalmente não seria sobre ninjas

“O Sasuke teve toda a sua família assassinada, então ele cultiva a vingança em seu coração. Naruto não passou por essa experiência. Uma pessoa nessa posição privilegiada não pode dizer nada que seja convincente. Por isso as coisas que Naruto dizia não soavam verdadeiras para Sasuke. Mas depois, quando Naruto já havia perdido Jiraiya, que era como um pai para ele, ele conseguiu entender Sasuke pela primeira vez”, revelou o autor.

>> CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Desta forma, a morte de Jiraiya foi o catalisador do desenvolvimento de Naruto, que se tornou cada vez mais forte e maduro após perder o seu professor.

O mangá de Naruto era publicado semanalmente e chegou à marca de 700 capítulos, se tornando um dos maiores sucessos do gênero mundo afora.

Atualmente, a história de Naruto segue com o anime Boruto: Naruto Next Generations, trazendo as aventuras do filho do icônico personagem.

Boruto, que é uma continuação direta de Naruto, está em exibição desde o ano passado.