Vingadores: Guerra Infinita precisou de mais de 98 mil HDs para guardar todos os dados de efeitos visuais. A impressionante informação foi revelada na CCXP 2018, em São Paulo.

Kelly Port, supervisor de efeitos especiais da Digital Domain, que trabalha para Marvel, contou no painel que cada um dos HDs tinha simplesmente 1 TB. Dessa maneira, as escalas de efeitos do longa ocupam 96 pentabytes de espaço – cada pentabyte equivale a 1.024 terabytes.

Para se ter uma ideia, o longa Titanic, lançado em 1997, precisou de apenas um terabyte para armazenar os efeitos visuais.

>> CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Vingadores: Guerra Infinita | Teoria diz que Hulk se escondeu porque estava “envergonhado”

A continuação de Vingadores: Guerra Infinita deve mostrar o embate final entre Thanos e os Vingadores. A Capitã Marvel e o Homem-Formiga devem se unir à super-equipe na história.

Vingadores 4 chega aos cinemas no dia 2 de maio de 2019.