A primeira temporada de A Maldição da Residência Hill, nova série de terror da Netflix, tem chamado a atenção dos fãs de histórias sobrenaturais. Tendo sido bastante elogiada, a série mostra a história de uma casa habitada por fantasmas que possuem um certo apetite por almas humanas.

O final da 1ª temporada deixa em aberto o destino de diversas pessoas. Enquanto personagens como Nell, Hugh e Olivia acabaram sendo mortos pela casa, Luke e Theo agora precisam lidar com os danos que sofreram por sua estadia no local. Um final em aberto significa que uma 2ª temporada está a caminho, mas o criador do programa, Mike Flanagan, já revelou que tem algumas ideias para o futuro do seriado. Dessa forma, mesmo que a Netflix ainda não tenha confirmado nada, vale a pena tentar teorizar sobre um possível segundo ano do programa.

A Maldição da Residência Hill | Série de terror da Netflix assusta usuários do Twitter

>> CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A primeira coisa que é preciso entender em uma 2ª temporada de A Maldição da Residência Hill é que os sobreviventes da família Crain agora devem se unir mais do que nunca. Enfrentar os perigos da casa não é uma tarefa simples e se eles realmente querem sobreviver, precisam estar juntos e não se deixar separar por brigas bobas.

O ator Oliver Jackson-Cohen, que interpreta Luke, chegou a dizer em uma entrevista que os Easter Eggs da série podem deixar pistas do futuro do programa. Se formos olhar por esse lado, há uma grande gama de possibilidades que vão desde referências a outras produções de terror, até os fantasmas escondidos ao longo dos episódios da série.

Considerando as referências, uma das mais interessante é uma música cantada para Hugh. A música fala da morte de três gerações de uma mesma família, o que pode significar que vamos seguir os Crain ao longo de três gerações. Com isso, a segunda temporada pode se passar anos depois dos últimos episódios do primeiro ano, mostrando Luke e Theo com filhos e sobrinhos. Entretanto, o que motivaria eles a retornarem à casa, isso é um mistério.

Entretanto, essa mesma música pode na verdade ser o segredo para entender o que acontece na casa. É muito provável que cerca de 3 gerações de uma mesma família tenham morrido no local, e que seja essa família a causadora de todo o mal que assombra a residência Hill. A nova temporada também pode mostrar os mortos do primeiro ano como fantasma. Seria interessante ver Hugh como um ser assombrando do local.

Há ainda um caminho não pensando em relação a uma futura temporada: ela pode ser um prelúdio. Caso isso aconteça, não veremos a família Crain descobrindo os segredos da mansão, mas veremos como a mansão em si se tornou amaldiçoada por fantasmas e conheceremos mais dos antigos moradores do local.

Como a Netflix ainda não confirmou uma renovação para a série, é difícil dizer quando a nova temporada estreará. É muito provável que uma 2ª temporada chegue ao serviço de streaming em outubro, época de Halloween na qual também ocorreu a estreia do 1º ano. Entretanto, a estreia pode não ocorrer em 2019 (ano que a Netflix pode estar ter agendado a 3ª temporada de Stranger Things para o Dia das Bruxas) e sim em 2020, dando tempo da série desenvolver com calma seu novo ano.